São Longuinho, são Longuinho, se eu achar meu pitoco dou 3.5000 pulinhos!

Sempre quando eu perco alguma coisa (e isso é relativamente comum), fica aquela sensação de emburrecimento me cutucando. Algo falando no meu subconsciente: “como você é burro! nunca sabe onde coloca as coisas! deixa de ser idiota!”. E assim eu vou ficando mais e mais nervoso, andando em círculos pela casa ou… Continue reading