Ensina o menino no caminho

Um dia não poderei mais te dar a mão. Chegará o momento em que terás vontade de seguir seu próprio caminho, fazer suas próprias escolhas e cometer seus próprios erros. Nesse dia não estarei mais um passo à sua frente. Não poderei mais testar o caminho para garantir que você não caia, nem estar a postos para te segurar durante a queda como fazemos muitas vezes em nossas brincadeiras.
Nesse dia, que tenho esperança de demorar uma eternidade para viver mesmo sabendo que chegará em um piscar de olhos, estarei não mais à sua frente, mas alguns passos atrás. Torcendo por você. Chorando e sorrindo suas alegrias e tristezas.
Enquanto esse dia não chega, estarei o mais próximo possível. No caminho da rua, no conselho, no comando….
O mais fiel dos amigos e o mais implacável guarda costas. Esse é o pai que você tem, meu pitoco.

Comente com sua conta do Facebook